Blog da Família

Qual é a importância da estrutura física da escola?

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

“Aluno bom estuda em qualquer lugar!”. Esse é o tipo de pensamento equivocado que algumas pessoas ainda acreditam fielmente. Contudo, é fato que ter em mente a importância da estrutura física da escola maximiza o aprendizado dos estudantes. 

A pesquisa “Infraestrutura Escolar e Aprendizagens da Educação Básica Latino-Americana” promovida pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) mostra isso. Os estudantes de escolas com a melhor infraestrutura tiraram notas melhores em uma prova aplicada pela UNESCO.

Os resultados informam que na avaliação de matemática, os alunos de escolas de pior estrutura tiraram, em média, 497 pontos, enquanto que os de melhor condição atingiram 524. E na matéria de linguagens isso se manteve: 506 para os de estrutura inferior e 524 para os de melhor estrutura.

Portanto, a estrutura física da escola não pode ser considerada irrelevante na hora dos pais escolherem uma instituição para o filho e, ao contrário do que se imagina, essa também não é apenas uma questão estética.

Neste artigo, vamos falar sobre a importância da estrutura física da escola. Afinal, por que você deve se preocupar com isso? Como ela influencia no aprendizado do seu filho?

 

Entenda o conceito de infraestrutura

O conceito de infraestrutura escolar vai desde itens básicos e locais de convivência, até espaços para organização do funcionamento da escola e materiais didático-pedagógicos. São eles:

  • Fornecimento de água, energia elétrica e internet;
  • Salas de aulas confortáveis;
  • Mobiliários adequados e de boa qualidade;
  • Banheiros e cozinha;
  • Pátios;
  • Parques;
  • Brinquedoteca;
  • Laboratórios; 
  • Bibliotecas;
  • Quadras;
  • Salas de professores, coordenadores e diretores;
  • Secretarias;
  • Almoxarifados; 
  • Manutenção e limpeza dos ambientes;
  • Computadores;
  • E demais insumos tecnológicos.

Toda essa estrutura e recursos permitem criar um ambiente agradável e estimulante, afinal, é na escola que os alunos passam a maior parte dos seus dias e durante muitos anos em suas vidas. 

Portanto, os pais devem entender que a importância da estrutura física da escola é fundamental para o desenvolvimento intelectual e cognitivo do filho e que esse aspecto precisa ser muito bem avaliado.

Bom, até aqui mostramos para você quais são os recursos necessários para uma boa estrutura escolar. Agora, vejamos como ela influencia no aprendizado dos alunos.

Saiba a importância da estrutura física da escola para o aprendizado

Como vimos, a relação entre a estrutura escolar e os resultados acadêmicos está na presença de espaços de apoio ao ensino, tais como bibliotecas, computadores, laboratórios de ciências, auditórios, quadras de esportes, entre outros. 

E um estudo correto do ambiente pode adequar de forma significativa os espaços no ponto de vista térmico, acústico e com relação à luminosidade propícia às atividades que serão desenvolvidas.

Como consequência disso, o rendimento escolar é diretamente influenciado pela estrutura que a escola possui, já que os alunos receberão estímulos ao acessar espaços bem planejados, organizados, alegres, prazerosos, conservados, confortáveis e higiênicos. 

Por outro lado, a falta de conforto, em todos os seus aspectos, reduz o desempenho dos alunos, tanto em termos de aprendizado, como também de saúde. E isso é muito sério!

Sendo assim, o ambiente escolar precisa provocar nos alunos múltiplos interesses sócio-educativos, oferecendo subsídios que influenciam não apenas a capacidade cognitiva e motora, mas também a própria socialização e o lazer.

Veja os benefícios de uma boa estrutura física da escola

Uma estrutura física escolar de qualidade, além de influenciar diretamente o aprendizado dos alunos e os interesses sócio-educativos, também auxilia os professores em todo o processo de ensino. 

Os principais benefícios que uma estrutura escolar pode apresentar são:

  1. Favorecer o desenvolvimento motor e cognitivo;
  2. Auxiliar na socialização dos alunos;
  3. Trazer a sensação de pertencimento;
  4. Melhorar o rendimento escolar;
  5. Facilitar o processo de ensino-aprendizagem dos professores;
  6. Estimular a criatividade;
  7. Aumentar o interesse pelos estudos.

Portanto, uma estrutura física escolar bem organizada, implica diretamente no interesse dos alunos. E este se tornará mais ativo, com mais vontade de estar no ambiente da escola.

Para entender melhor, todos nós, seres humanos, estamos em permanente relação com o meio e as coisas que nos cercam. E nas escolas, mais do que em qualquer outro espaço, é importante que tudo esteja adequado aos profissionais que trabalham e alunos que estudam nelas.

Uma estrutura escolar inadequada impacta negativamente, não apenas em termos de resultados gerais, mas também no trabalho diário dos professores e no aprendizado dos estudantes. 

Dessa maneira, a estrutura física da escola é um dos pilares para a melhoria da qualidade do ensino. E é essencial que os pais privilegiem uma instituição que irá garantir espaços pedagógicos em boas condições para o seu filho.
Viu como a importância da estrutura física da escola reflete diretamente no aprendizado e desenvolvimento dos alunos? E saber avaliá-la é fundamental para que você possa fornecer um ensino de qualidade para o seu filho. Agora, aproveite e confira também o nosso artigo sobre como avaliar a estrutura da escola e entenda quais são os aspectos a serem analisados!

Compartilhe esse post
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Sobre o autor